Baixar apostilas concursos professores

Atenção professor: Quer passar em concurso público? Então baixe a
apostilas especial.

Inscrição concursos professores

 Professor: Faça sua inscrição para concursos públicos agora - Municipal, Estadual ou Federal?

Provas anteriores concursos professores

Provas anteriores para concursos de professores: Todas as disciplinas.

O que cai nos Concursos para professores

 Todas as matérias que caem.
Saiba e estude.
 

Exercício de Literatura - Prova/Avaliação - 2ª série do Ensino Médio - Parnasianismo.

Professor: 2ª série - Ensino Médio - Sugestão Exercícios - Atividades/Provas Estilo Parnasiano - 2ª série do  E.M.



Trabalhos de colegas que  podem servir  como  modelo e ajuda  para que você elabore suas próprias aulas e avaliações.

O ovo de galinha
(João Cabral de Melo Neto)

O ovo revela o acabamento
a toda mão que o acaricia,
daquelas coisas torneadas
num trabalho de toda a vida.
E que se encontra também noutras
que entretanto mão não fabrica:
nos corais, nos seixos rolados
e em tantas coisas esculpidas
cujas formas simples são obra
de mil inacabáveis lixas
usadas por mãos escultoras
escondidas na água, na brisa.
No entretanto, o ovo, e apesar
de pura forma concluída,
não se situa no final:
está no ponto de partida.

Vocabulário:
Torneadas: redondas
Noutras: em outras
Seixos: fragmento de rocha dura, pedra solta;
‘seixos rolados’: seixo sem arestas, porque arredondado pelo desgaste, e que se encontra à beira mar e em margens de leitos de rios.


1. Reescreva a primeira estrofe colocando-a em ordem direta. (0,75)
.......................................................................................................................................................

2. Em apenas uma estrofe o poeta faz referência ao trabalho humano. Reescreva esta estrofe. (0,75)
.........................................................................................................................................................

3. Considere os conceitos: (1,0)
Sujeito: para filosofia, o ser individual, real, capaz de praticar uma ação.
Objeto: tudo o que está fora do sujeito e que pode receber ação daquele.
Agora, identifique o sujeito (S) e objeto (O) para cada fragmento, considerando o poema lido:

( ) ovo (primeira estrofe) ( )mão (primeira estrofe)
( ) corais, seixo rolados ( )coisas esculpidas
( ) mãos escultoras ( ) água e brisa
Leia o soneto a seguir:

Rio Abaixo
Treme o rio, a rolar, de vaga em vaga...
Quase noite. Ao sabor do curso lento
Da água, que as margens em redor alaga,
Seguimos. Curva os bambuais o vento.

Vivo, há pouco, de púrpura, sangrento,
Desmaia agora o Ocaso. A noite apaga
A derradeira luz do firmamento...
Rola o rio, a tremer, de vaga em vaga.

Um silêncio tristíssimo por tudo
Se espalha. Mas a lua lentamente
Surge na fímbria do horizonte mudo:

E o seu reflexo pálido, embebido
Como um gládio de prata na corrente,
Rasga o seio do rio adormecido.
(Olavo Bilac)

Vocabulário:
Púrpura: cor vermelha
fímbria: franja, orla, beirada.
Ocaso: pôrdo sol, desaparecimento do sol ao entardecer.
gládio: espada de dois gumes, com corte dos dois lados.


4. Como se classifica essa forma fixa de poema constituída de dois quartetos e dois tercetos? (0,5)
 ..........................................................................................

5. No texto predomina a descrição. Responda: (1,0)
a. O que o eu-lírico descreve?
...................................................................................................................

b. Nessa descrição, o eu-lírico assume o ponto de vista de quem está num barco, no rio. Que verbo da primeira estrofe comprova essa afirmativa?
........................................................................................................................

6. Copie do texto as expressões correspondentes a: (0,75

a. Entardece: ....................................................................................................
b. escurece: ......................................................................................................

7. Podemos classificar as rimas de um poema em três tipos: (1,25)
- rima pobre: ocorre quando rimam palavras da mesma classe gramatical. (Ex.substantivo com substantivo)
- rima rica: ocorre quando rimam palavras de classe gramatical diferente. (Ex.substantivo com adjetivo)
- rima rara ou preciosa: ocorre quando rimam uma palavra e uma combinação de palavra, como estrela e vê-la .

Copie do texto “Rio Abaixo” um exemplo de:
a.Rima rica: .............................................................................................................................................................
b. Rima pobre: ....................................................................................................................................

8. No texto ocorrem algumas das principais características do estilo parnasiano. Assina abaixo com um X as alternativas que contenham essas características: (1,0)
( ) descrição detalhada de objetos ou cenas.
( ) preferência pelas frases na ordem direta.
( ) preferência pelas frases na ordem indireta.
( ) emprego de palavras raras, que não são utilizadas no vocabulário cotidiano.
( ) preferência pelo soneto.
( ) sentimentalismo exagerado ao declarar seu amor a mulher amada.
( ) perfeição das formas.

Leia o soneto abaixo e responda as questões propostas:

Remorso
(Olavo Bilac)

Às vezes, uma dor me desespera...
Nestas ânsias e dúvidas em que ando.
Cismo e padeço, neste outono, quando
Calculo o que perdi na primavera.

Versos e amores sufoquei calando,
Sem os gozar numa explosão sincera...
Ah! Mais cem vidas! com que ardor quisera
Mais viver, mais penar e amar cantando!

Sinto o que desperdicei na juventude;
Choro, neste começo de velhice,
Mártir da hipocrisia ou da virtude,

Os beijos que não tive por tolice,
Por timidez o que sofrer não pude,
E por pudor os versos que não disse!

Vocabulário:
Ânsias: desejos
Cismo: teimo
Padeço: fico doente
Gozar: aproveitar
Quisera: desejara
Mártir: aquele que sofreu tormentos ou a morte.

Pudor: vergonha

9. Na primeira estrofe, ao falar de outono e primavera, a que fases de sua vida se refere o eu-lírico? (0,5)
...............................................................................................................................................................

10. “...quando/ Calculo o que perdi na primavera” . O que perdeu o eu-lírico nessa fase? (0,75)
...............................................................................................................................................................

11. Qual foi a causa dessa perda do eu-lírico? (1,0)
..............................................................................................................................................................

12. Pode-se dizer que esse soneto ilustra bem o exagero formal do Parnasianismo, com sua linguagem rebuscada e o gosto por palavras raras? Justifique. (0,75)
..............................................................................................................................................................
Professor,
Para imprimir basta selecionar o texto e copiar em seu Editor de texto, e aí  fazer  as  modificações  e  adaptações  que  ache necessário  para  trabalhar  com  suas turmas.  Pode ainda baixar o arquivo já salvo como .doc no WORD, e imprimir direto.

Baixe  AQUI
____________________________________________________
O artigo foi útil? Deixe um comentário, uma sugestão ou contribua nos enviando atividades para serem compatilhadas  com  os  colegas  por  aquis - As  atividades podem ser enviadas para o  e-mail  simplesmenteportugues@gmail.com  ;)

16 Comentários:

Anônimo disse...

Suas provas me ajudaram muito!!!!!!principalmente para o ensino médio
Parabéns pelo Blog, onde posso encontrar as respostas dos exercícios
Obrigada

Anônimo disse...

ótimo, sou estudante gostaria da correção para ver quantos pontos fiz. Muito obrigada

Anônimo disse...

não tenho nem palavras para agradecer. ótimo mesmo!!!!!!!

Anônimo disse...

gostei mto da atividades, foi de muita utilidade. Parabéns pelo trabalho.

Anônimo disse...

Gostei muito das atividades como eu faço p/ obter gabaritos??

Anônimo disse...

Vaaaleeu ! Mas preciso do gabarito, porque não sei se acertei e tenho que saber :/

Anônimo disse...

Aonde q axo aas respostas amigoo
Presciso delas pra corrigir as minhas

Anônimo disse...

onde acho os gabaritos ?

Anônimo disse...

parabens por este belo conteúdo !!
este site é nota 10 .....
pois é exatamente o conteúdo que eu procurava,pois professor pss rrss ...vale!!!

Professor Lokao disse...

não tenho nem palavras para agradecer. ótimo mesmo!!!!!!!

Lanna Vasconcellos disse...

Otimo ! sou estudando gostaria de saber as respostas .

Lanna Vasconcellos disse...

Otimo ! sou estudando gostaria de saber as respostas .

Anônimo disse...

PRECISO DAS RESPOSTAS

Anônimo disse...

Oi, adorei a prova.
Já a vis. Mas como eu consigo o gabarito.

Anônimo disse...

Ficou ótima a prova, mas cadê o gabarito?

Anônimo disse...

E o gabarito das questoes?

Postar um comentário

Nem todo o material contido neste espaço foi produzido pela equipe do Blog. Grande parte do que está exposto aqui foi encontrado na internet, e está disponível a todos que têm acesso à web, dificultando assim a conferência da autoria.

O que fazemos é coletar e organizar material que já está publicado e público na web.

Caso você tenha conhecimento e comprovação sobre a autoria de algum material, nos comunique pelo e-mail simplesmenteportugues@gmail.com, para que possamos colocar a devida autoria. Não levaremos em consideração comentários anônimos.

- Deixe sua dúvida, sugestão ou colaboração.

- O espaço ainda está em construção, por isso, qualquer sugestão de melhoria ou correção é muito bem-vinda.

- Caso deseje ver suas atividades publicadas aqui, pode enviá-las para o e-mail: simplesmenteportugues@gmail.com

Blog Widget by LinkWithin

Referências bibliográficas:

Projeto Araribá: português/ obra coletiva concebida e produzida pela Editora Moderna; editora responsável Áurea Regina Kanashiro. – 1.ed – São Paulo: Moderna, 2006.Obra em 4 v. para alunos da 5ª a 8ª séries.
___________________________________
TERRA, Ernani - Português de olho no mundo do trabalho: volume único/ Ernani Terra, José De Nicola - São paulo - Scipione, 2004 - ( Coleção de olho no mundo do trabalho).

Blogagens

Meus amigos no diHITT

Comunicado sobre os créditos e autoria:

Nem todo o material contido neste espaço foi produzido pela equipe do Blog. Grande parte do que está exposto aqui foi encontrado na internet, e está disponível a todos que têm acesso à web, dificultando assim a conferência da autoria. O que fazemos é coletar e organizar material que já está publicado e público na web. Caso você tenha conhecimento e comprovação sobre a autoria de algum material, nos comunique pelo e-mail simplesmenteportugues@gmail.com, para que possamos colocar a devida autoria ou retirar do ar, se este for o desejo do autor.

Programas úteis. Baixe aqui!

Para ler a maioria dos editais e o Diário Oficial, é necessário ter o programa Adobe Reader instalado (programa leitor dearquivos em PDF), que é o formato em que estão vários documentos. Caso queira baixar o Adobe, que é um programa gratuito, pegue AQUI.

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO  

BlogBlogs.Com.Br